Advocacia em alta performance: como alcançar?

Você deve ter ouvido muito por aí sobre o Mito do Mercado Saturado na advocacia (se ficou curioso, dá uma olhada nesse texto aqui). No entanto, você deve mudar a sua mentalidade e passar a ser o protagonistas dos seus próprios problemas. Como assim, Joana? Simples. Quando você fala que a dificuldade do mercado de trabalho na advocacia é única e exclusivamente a concorrência, você tira dos seus ombros a dificuldade. Afinal, você não tem controle sobre o mercado, nem sobre as pessoas que nele ingressam. Agora, se você começar a se perguntar o que você pode fazer para ser mais competitivo no atual cenário, a coisa muda de figura. Essa é a o proposta do presente texto. Quais as ferramentas e as habilidades que você deve desenvolver para alcançar um advocacia em alta performance. Vem comigo!

Aprenda a enxergar as oportunidades- Utilize o Digital

Você pode não querer acreditar, mas é a mais pura verdade. E o meio digital é o grande responsável por essa disrupção. Mas como assim?! Pensa só: quando vocês poderiam imaginar que as redes hoteleiras seriam ameaçadas por simples pessoas com, na maioria das vezes, um só imóvel. Ou então que o grande monopólio dos táxis seria ameaçado por pessoas normais que prestam uma espécie de carona. Porém, é essa a nossa realidade atual. O AIRBNB e o UBER estão aí para provar. E eles só foram possíveis porque o digital tratou de ligar as pontas de interesse. Agora, você deve estar se perguntando, mas que raios eu, como advogado tenho a ver com isso?

É no digital que você vai encontrar as ferramentas para se tornar competitivo sem precisar da guarida de mais ninguém. Você vai ser o seu próprio porta-voz. A internet tornou tudo mais democrático, tanto para prospectar, quanto para se comunicar e fidelizar clientes. Ou seja, esse é o caminho para alcançar a alta performance na advocacia.

Se destaque! Não seja mediano

A revista ProJuris organizou em conjunto com o Censo Jurídico uma entrevista com mais de 600 advogados em todo país e trouxe os seguintes resultados da sua pesquisa- dados esses que servem para traçar o perfil do advogado insatisfeito com o mercado de trabalho:

  • 43,4% são advogados autônomos, enquanto 25,6% trabalham em escritórios de advocacia;
  • 46,2% trabalham na área cível, 11,1% na área trabalhista e 11,4% na área empresarial;
  • 61,9% iniciam de 0 a 10 novos casos e 17,7% iniciam de 10 a 30 novos casos mensais;
  • 58% têm renda de até R$ 3.000, 00 por mês;
  • 32% indicaram o mercado saturado como principal vilão para 2019.

Com base nas informações acima, podemos dizer que o perfil do advogado insatisfeito: se concentra em três áreas de atuação (Cível, Trabalhista e Empresarial), apresenta problemas em prospectar novas demandas (a grande maioria até 10 novos casos por mês) o que, por consequência, acaba gerando uma renda baixa (até R$ 3.000,00).

Ficou claro agora?! Essa é a enorme fatia que representa o mercado saturado da advocacia. São profissionais com esse perfil. Agora, se você está dentro dessas características, não desanime! A notícia boa é que existe espaço e muito para crescer no cenário do Direito!

Como mudar esse cenário?

Esse espaço não quer dizer, necessariamente, que você tenha que descobrir um nicho ainda inexplorado. A própria pesquisa citada revelou que os profissionais questionados apontaram suas prioridades e o que eles consideram as tendências do mercado:
Dentre as prioridades:

  •  55% indicaram que devem estudar mais;
    42% querem trabalhar em contratos mais lucrativos;
    37% querem expandir seu mercado;
    28% evoluir com seu marketing;

Já as tendências:

  • 23,6% indicaram o uso de inteligência artificial;
    13,2% o uso do compliance;
    11,4% o marketing digital.

Sendo assim, vou te revelar o grande segredo que vai tirá-lo da grande média que enxerga o mercado saturado: não seja mediano! Se destaque! Para que isso seja possível você terá que desenvolver uma estratégia que envolverá: gerar sua autoridade online, prospectar com mais eficácia e selecionar melhor as causas a que se dedica.

Por fim, espero que este artigo tenha motivado você a ser um profissional diferenciado. Pense diferente! Afinal, é possível alcançar a alta performance na advocacia. Saia da caixa! Já sabe?! Se essas linhas te abriram uma nova perspectiva, curte o texto, compartilha! Faz ele circular por aí. Forte abraço e até a próxima!

Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

Gostou desse artigo? Compartilhe!

Share on facebook
Compartilhe no Facebook
Share on twitter
Compartilhe no Twitter
Share on linkedin
Compartilhe no Linkdin
Share on pinterest
Compartilhe no Pinterest
Joana Salaverry

Joana Salaverry

Sou Joana Salaverry, fundadora do Portal PowerJus, educadora e advogada com pós em Políticas Criminais, e ajudo colegas advogados a conquistarem a realização profissional e o reconhecimento que merecem através do Empreendedorismo Jurídico.

mais artigos

Deixe um comentário

PowerJus © 2019 – Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por: 

Em qual e-mail deseja receber o Livro Digital?

Nós respeitamos a sua PRIVACIDADE e nunca enviamos SPAM.